Artigo, Ninja Financeiro

4 dicas de como usar precificação dinâmica na sua loja

13/05/2016

precificação dinâmica

O grande dilema enfrentado por muitas lojas virtuais atualmente é o famoso ‘abandono de carrinho’. São centenas de sites oferecendo uma grande variedade de produtos (em muitos casos o mesmo) com preços mais atrativos. Precificação dinâmica vai te ajudar nisso.

Um consumidor fica facilmente ‘tentado’ em deixar de concluir uma compra ao perceber que pode pagar menos levando a mesma coisa porque achou um preço melhor em outra loja.

Conquistar um lugar ‘ao sol’ frente a uma concorrência cada vez mais acirrada no comércio virtual é uma tarefa cada vez mais difícil.

Por exemplo, seu site comercializa 100 produtos que são vendidos em outros 3 sites e, quando o consumidor compara os preços, encontra 80 deles mais baratos na concorrência. Sobre os outros 20, sua loja coloca preços menores, mas com o grande problema de estarem bem abaixo da concorrência – o que indica prejuízo.

Pensando nisso, reunimos, a seguir, dicas para te ajudar a elaborar uma precificação dinâmica. Confira!

 

A precificação dinâmica?

A precificação dinâmica é uma estratégia muito poderosa entre lojistas virtuais para buscar equalizar seus preços com aqueles oferecidos pela concorrência.

Via de regra, ela evita que os preços aplicados pela loja fiquem deslocados dos praticados por outros sites, seja por estarem muito caros ou por ficarem abaixo dos demais players, o que leva o lojista a não atingir sua margem de lucro. 
 

1 – Acompanhe os preços de mercado

Com a precificação dinâmica o lojista escolhe quais concorrentes e produtos quer acompanhar e o sistema faz todo o rastreamento das informações para compor o preço do seu produto.

Além disso, é possível estabelecer regras especificas e estratégias que podem alterar os preços dos produtos várias vezes por dia, baseados nas informações da concorrência e do seu negócio.

Através do acompanhamento dos preços da concorrência é possível oferecer melhores condições para o consumidor, sem que as margens do seu negócio sejam afetadas.

eBook - Guia de Pesquisa de Mercado e Concorrência

 

2 – Analise a concorrência

As estratégias de Precificação Dinâmica estão cada vez mais frequentes entre os players do e-commerce, uma vez que investir em ferramentas que auxiliem a entender a concorrência e os preços está entre as bases do sucesso de muitos negócios virtuais.

Em poucos cliques o consumidor pode comparar em dezenas de sites o preço de um mesmo produto no momento da compra e, diante disto, a precificação estratégica se torna tão importante.

É preciso estar preparado e acompanhar diariamente as movimentações dos preços de seus produtos versus os de seus concorrentes, de forma que possa ser efetuada uma re-precificação de acordo com o mercado, aumentando suas vendas e assim as margens.

Sistemas automatizados conseguem parametrizar regras e limites de preços para que os produtos possam se manter competitivos em relação ao que é praticado pelos concorrentes.

 

3 – Busque por feedbacks

Busque o feedback, não espere que o cliente vá até você e lhe diga o que tem que mudar, mesmo porque isto não vai acontecer.

Além disso, manter um relacionamento pós-venda ajuda a mapear o grau de satisfação do seu cliente, com a finalidade de buscar entender se as vendas estão atingindo os objetivos da empresa e quais são as falhas que precisam ser melhoradas.

É preciso manter a comunicação e aproximar a relação da empresa com o cliente. Mesmo que o consumidor não esteja satisfeito, ele sentirá que você está interessado em contornar a situação para satisfazê-lo e não apenas fechar mais uma venda.

 

4 – Controle a entrada e saída de produtos

A grande vantagem da precificação dinâmica é que você pode controlar a entrada e saída de produtos, o que lhe dá acesso as informações de quais itens estão tendo maior demanda.

Levando em consideração os produtos com mais movimentação, é possível estabelecer uma estratégia mais específica em relação aos preços praticados pela concorrência e que atuam de forma parecida.

Aqui vale destacar que o direcionamento dos concorrentes reais é fator chave no sucesso de uma precificação dinâmica, uma vez que você pode estar direcionando esforços para os competidores errados e complicar as estratégias de vendas, rentabilidade e o posicionamento de mercado.

Leia mais ‘Preço de venda: como calculá-lo corretamente’

 

2 Responses

  • Rui 27/02/2017 at 2:51 PM

    Vc tem um guia para empresas de serviços como a nossa consultoria?

    Reply
    • Equipe Preço Certo 29/03/2017 at 3:10 AM

      Oi Rui, temos sim um guia para prestadores de serviços e uma planilha para download. Vamos encaminhar para seu email.

      Reply

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *