Varejo Inteligente

6 dicas para conseguir boas ofertas na black friday

01/05/2017

Embora tenha se iniciado no Brasil há poucos anos, a Black Friday já é um evento aguardado por uma grande parcela dos consumidores brasileiros. Com preços que muitas vezes não são praticados durante o ano, essa é uma forma de conseguir itens de desejo por um valor mais barato.

Para os varejistas, é importante se preparar para oferecer os descontos dessa época. Ao criar boas ofertas na Black Friday, maiores são as chances de ver as vendas dispararem. Por isso, confira a seguir 6 dicas que vão ajudá-lo!

Negocie com fornecedores

A relação com os fornecedores é determinante para ter acesso às boas ofertas na Black Friday. Dependendo da negociação, é possível comprar produtos mais em conta, o que permite a aplicação dos descontos característicos dessa data.

Nesse sentido, é fundamental pensar em centralizar o fornecimento, ao menos para esse período. Quanto maior for a compra com o mesmo fornecedor, maior é o poder de negociação e mais volumosos tendem a ser os descontos.

Também é importante pensar em negociar com fornecedores de longa data. Em geral, um relacionamento mais prolongado colabora para uma negociação benéfica para ambas as partes.

Ofereça o que o seu cliente quer comprar

Na hora de fazer as compras de estoque é muito importante considerar o que o cliente deseja comprar. Manter o preço do produto mais vendido e vender aquilo que quase ninguém compra só fará com que a sua loja perca o interesse de quem está em busca de ofertas vantajosas.

Por isso, vale a pena oferecer o que o seu cliente quer comprar, como os produtos que têm mais saída ao longo do ano. Ao baixar os preços dos campeões de vendas é muito provável que o seu negócio aumente consideravelmente o número de vendas, o que pode fazer com que a lucratividade seja ainda maior, dependendo da negociação com o fornecedor.

Aproveite para fazer a limpa de estoque

Ao mesmo tempo, você pode aproveitar para fazer a limpa de estoque. Produtos com giro baixo e que ficaram encalhados nas prateleiras têm na Black Friday uma oportunidade de serem finalmente vendidos.

Nesse caso, os descontos podem mudar a percepção dos clientes sobre estes itens, estimulando a conversão. Por mais que a margem de lucro seja mais baixa nesse caso — afinal, os produtos foram adquiridos antes da negociação para essa data —, essa é uma forma de aumentar a liquidez do negócio e evitar prejuízos com o descarte dos itens.

Dependendo do tipo de produto vale também fazer promoções com compras casadas. É o caso de oferecer um produto mais vendido com um item de queima de estoque, ambos com um preço mais barato.

Desde que você respeite o Código de Defesa de Consumidor e ofereça a possibilidade de os itens serem comprados separadamente, essa venda casada é vantajosa. Ela é uma forma agregar valor às ofertas, aumentar o giro de estoque e também de aumentar o ticket médio por compra.

Observe a concorrência

Uma das características de uma boa oferta na Black Friday é o fato de ela ser altamente competitiva. Os clientes estão em busca de promoções realmente vantajosas e se os itens forem equivalentes, não hesitarão em comprar o mais barato.

Por isso, é importante observar a concorrência para entender quais preços eles vêm praticando e qual é a promessa de descontos para o dia. Isso permitirá uma precificação mais adequada, evitando que seus produtos fiquem muito caros ou baratos demais.

Planeje a oferta de descontos

Levando em conta todos esses pontos deve-se partir para o planejamento da oferta de descontos. Por mais que a promessa de muitas lojas seja de 70, 80 ou mesmo 90% de desconto, é muito importante pensar em quais são as possibilidades do seu negócio.

A Black Friday precisa ser uma data de aumento vantajoso de vendas para o seu negócio, não de geração de prejuízos e perda excessiva de margem. Com isso, é fundamental estudar com cuidado qual é o desconto que pode, efetivamente, ser oferecido.

Considere questões como os custos de aquisição, promoção e vendas, assim como a margem de lucro mínima aceitável. Se houver questões relacionadas à logística, isso também deve ser levado em conta.

Outro ponto importante é o volume de vendas previsto, já que uma grande quantidade de clientes tende a permitir que um preço menor seja cobrado. A partir daí você conseguirá identificar o preço mínimo que cada produto deve ter e, com isso, identificar a margem de desconto a ser oferecida.

Não minta sobre os descontos

Com o intuito de criar boas ofertas na Black Friday, muitos negócios agem de maneira pouco ética e nas semanas anteriores à promoção o preço dos produtos é elevado. Um item que custa R$ 100,00, por exemplo, passa dois meses sofrendo aumento até que custe R$ 300,00.

Na época da Black Friday, a loja oferece um desconto de 80%, levando o produto para o valor de R$ 60,00. A verdade, porém, é que o desconto efetivo foi de apenas 40%. Inclusive, muitas oferecem descontos que deixam o produto mais caro do que era inicialmente na tentativa de enganar o consumidor.

Além de essa prática poder gerar multas, ela também abala a confiança que os clientes têm em seu negócio e prejudica a conquista de compras futuras. Por isso, não minta descontos e ofereça valores reduzidos que correspondam ao valor real e inicial do produto para não cair na situação de oferecer a tão conhecida “metade do dobro”.

Para conseguir boas ofertas na Black Friday é preciso, em primeiro lugar, se preocupar com a negociação com fornecedores. Depois de montar o mix de produtos adequadamente e pensar nos concorrentes é hora de planejar os descontos.

O mais importante, entretanto, é não criar descontos falsos, pois isso prejudica a reputação do negócio e o volume de vendas. Com tudo isso em mente, ficará mais fácil aproveitar o interesse de consumo dos clientes.

Você já se preparou para conseguir boas ofertas na Black Friday? Ainda tem alguma dúvida sobre o assunto ou deseja compartilhar a sua experiência com outros varejistas? Deixe o seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *