O que é Conciliação de Marketplaces e como identificar o real comissionamento


Cada canal tem suas particularidades e desafios, mas ambos podem alavancar suas vendas. A loja própria permite uma personalização profunda, tanto em design quanto operação.

Estruturar uma loja virtual demanda investimentos financeiros e de tempo, pois para operar normalmente as vendas é preciso que toda a infraestrutura esteja preparada.

Ou seja, plataforma, intermediadores de pagamentos, ferramentas de marketing, chats de atendimento e suporte, antifraude, ferramentas de logística, entre diversos outros complementos.

O que preciso saber sobre Marketplaces?

Um dos maiores desafios nas lojas virtuais próprias é a disputa com outras grandes lojas, e por isso as campanhas estratégicas de marketing tornam-se um diferencial no quesito competitividade. Os marketplaces são gigantes plataformas completas de vendas, já prontas para que os consumidores façam suas compras, e assim o seller foca na operação e logística.

Utilizar-se do marketplace possibilita uma alavancagem da operação, possibilitando retornos financeiros mais rápidos, uma vez que não é necessário arcar com altos custos de implementação para vender nesses canais, mas apenas as comissões proporcionais a cada venda realizada. 

Porém não basta apenas vender. É preciso ter clareza sobre todos os custos que são cobrados pelo marketplace, entendendo as variantes de repasses que cada canal trabalha.

Muitos lojistas acabam iniciando a sua operação mas não sabem realmente quais são os custos precisos de operação de venda no marketplace parceiro. Mas é muito importante entender o quanto antes que a gestão financeira é indispensável para garantir a viabilidade dessas vendas, garantindo o lucro da operação.

O que é Conciliação de Marketplaces?

Uma conciliação de recebíveis de marketplaces leva em consideração todos os valores recebidos, e sua validação é realizada confrontando com todos os valores esperados a se receber, de acordo com cada pedido efetivado pelo canal de venda.

Os grandes varejistas realizam essa validação para fazer os repasses financeiros aos lojistas, e para a gestão financeira ser completa, os lojistas também devem realizar esse procedimento internamente, para não comprometer a saúde das finanças de sua empresa.

Para validar cada um dos pedidos, avalie não somente a comissão padrão de intermediação do varejista, mas também validando todos os repasses relativos a cada pedido, tal como frete, multas, estornos, impostos, etc, sempre confrontando com o extrato mensal de recebíveis fornecido pelo canal de venda.

Além disso, entenda exatamente o contrato firmado com o marketplace, entendendo seus direitos e deveres, para otimizar a relação entre vocês, evitando problemas e retrabalhos, pois cada parceiro tem suas políticas comerciais.

Por que entrar em um marketplace?

Os marketplaces oferecem excelentes campanhas de venda em datas comemorativas e ações comerciais próprias, em que muitas vezes acabam oferecendo descontos na comissão de venda, como estímulo ao volume de transações e descontos mais agressivos.

Quando aderir a essas campanhas sempre registre exatamente o que foi negociado, a referência da campanha, o canal de venda, qual o valor específico da comissão nesse período e o prazo exato de duração, a fim de que não exista divergências no momento de validar as vendas realizadas.

Muitos lojistas acabam aderindo de forma aleatória, mas a falta de controle atrapalha a gestão, e assim não é possível nem mesmo avaliar a viabilidade da aderência a essas promoções.

Esses cuidados são básicos para garantir o controle financeiro da sua operação em marketplaces, e impactam diretamente no sucesso da gestão financeira.

O controle fornece dados ricos para se analisar precisamente os resultados em cada um dos canais, entendendo exatamente o real custo de venda para vender em cada um dos marketplaces, trazendo segurança para a tomada de decisões importantes para suas vendas serem um sucesso.

Agora você já conhece as principais dicas para o controle de seus recebimentos. O Koncili é o primeiro sistema de conciliação automatizada de repasses de marketplaces no Brasil, e é o mais novo parceiro do Preço Certo!

 

 

Conteúdos Relacionados com E-commerce

2 comentários em “O que é Conciliação de Marketplaces e como identificar o real comissionamento”

  1. Gustavo Matheus Cassimiro Carneiro

    Bom dia
    Preciso de uma assistência referente à conciliação do Mercado Livre com as notas de serviço e a fatura paga, poderiam me auxiliar?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.