Artigo, Cresça seu negócio

5 razões para fazer Gestão Financeira em uma empresa

30/03/2018

Gestão Financeira

A falta de Planejamento e Gestão Financeira é um grande vilão para uma empresa e é uma das grandes causas das organizações fecharem suas portas.

Segundo Pesquisas do IBGE, 6 de cada dez empresas não sobrevivem após cinco anos de atividade, o que está relacionado diretamente a problemas na sua gestão.

A Gestão Financeira engloba todas as atividades financeiras de uma empresa, juntamente com a organização e avaliação das finanças, permitindo que se visualize toda a realidade do negócio. Esta gestão deve observar o controle dos gastos e saber exatamente quais as receitas que estão entrando, para que as decisões tomadas sejam sempre baseadas em informações precisas e não em “achismos”.

 

Por que Gestão Financeira?

A Gestão Financeira não só cuida das contas á pagar, mas também acompanha os recebimentos e registros. Uma boa Gestão Financeira faz com que a empresa possa suportar uma queda de faturamento por exemplo, fazendo com que se consiga passar por uma situação de dificuldade sem afetar a estrutura da mesma, além de garantir os recursos suficientes para o negócio se manter e crescer, viabilizando investimentos e resultados para a empresa.

O planejamento financeiro adequado, seguindo um orçamento previamente estabelecido dentro da realidade da empresa é de muita importância para esse controle.

O orçamento destina os recursos financeiros de acordo com a necessidade de cada departamento da empresa. Este orçamento pode ser projetado mensal, trimestral ou anual, quem determina é a empresa.

Outra ferramenta de suma importância para uma boa gestão financeira é o fluxo de caixa, que controla todas as entradas e saídas diariamente, permitindo que se identifique inadimplências por partes dos clientes e a organizar as contas a pagar dentro do fluxo de recebimentos.

O fluxo de caixa faz com que a empresa veja uma prévia de quanto será necessário dispor de recursos para honrar seus compromissos financeiros.  

 

Veja 5 motivos para fazer Gestão Financeira em uma empresa

  • Ajuda para fazer um Planejamento Orçamentário adequado: é possível definir a receita e os gastos a serem atingidos;
  • Dados sobre resultados financeiros: informações sobre o capital que sai e entra da sua empresa são essenciais;
  • Saber seus lucros e prejuízos: permite saber se algum dinheiro está sendo desperdiçado na compra de materiais a mais que ficam parados no estoque, por exemplo, pois é de extrema importância que o gestor saiba que tipo de investimento está sendo viável e o que realmente está dando lucro;
  • Auxílio para formar o preço de venda: definir uma precificação adequada é essencial para ajudar a tomar decisões, obter uma melhor lucratividade, a na melhora dos resultados;
  • Melhor gestão do fluxo de caixa: um fluxo de caixa eficiente organiza as finanças da empresa e permite o controle das vendas, entradas e saídas, e dos demais pagamentos.

 

Existem algumas falhas muito cometidas na Gestão Financeira que devem ser evitadas, sendo elas: A má administração do capital de giro, não saber exatamente o CMV (custo por mercadoria vendida), falta de controle das contas a pagar e a receber,  não escolher o regime tributário adequado, não saber os lucros e prejuízos, e a falta de uma assessoria contábil que esteja integrada com a gestão.

 

Dicas para fazer uma Gestão Financeira de sucesso:

  1. Sempre separar as contas pessoais das contas profissionais: É preciso separar totalmente a conta pessoal da conta profissional por uma razão bem simples : para distinguir as receitas e despesas que entram e saem de cada conta. Além disso, se os gastos e recebimentos profissionais não forem registrados na conta profissional a chance de ter problemas com a fiscalização é bem maior, pois a Receita Federal utiliza de várias formas para confrontar as informações fornecidas;
  2. Realize análises com frequência: Os controles e as análises periódicas não podem ser ignorados. É necessário que se estude os dados contábeis, para que erros sejam detectados a tempo, o que facilita a organização financeira;
  3. Procure reduzir os impostos: Muitas empresas acabam pagando tributos a mais por falta de conhecimento e por não realizarem um planejamento tributário;
  4. Controlar o estoque: Um controle de estoque feito de forma correta permite a identificação de produtos que estão faltando ou que estejam em pouca quantidade, dados estes que podem ser usados para aumentar as vendas.

A principal finalidade da  gestão financeira  é aumentar a lucratividade de uma empresa, e além de possibilitar a análise das cobranças e o recebimento dos créditos concedidos, estuda também onde os recursos financeiros disponíveis podem ser aplicados.

Se esta gestão for deixada de lado o negócio corre risco de perder muito dinheiro e às vezes até de fechar suas portas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *